quarta-feira, 18 de março de 2009

UM POEMA ALEGRE



ILUSTRAÇÃO MATISSE - A MARGEM
UM POEMA ALEGRE
.

UM POEMA ALEGRE

carmenluciafossari

UM POEMA DE SOL
DE CIRANDA CANTADA
DE FLORES NO CAMPO
DE SONATA PRIMAVERL

DO MAR BORBULHANDO
ESPUMAS
LEVES ESPUMAS
QUE ME LEVAM E TRAZEM
AO LEITO DO RIO
E EU,RIO DA MAGIA
ABAIXO DA LINHA DO EQUADOR
SEM DORES CANTADAS
SEM O RIOS, TEMPESTADES
NA MARGEM DE ESTAR
ONDE DE PASSAGEM, PERMANECES
NA RUA QUE SEGUIMOS
OS MOMENTOS BREVES
E JÁ SOMOS DA TERNURA O ETERNO
E JÁ ESTOU OUTRA VEZ
A SEGURAR UM CORDÃO
PRÁ ENFEITAR MINHA FESTA
DE ESTRELAS E PONTAS DE LUZ
QUE NASCEM EM MEU CORAÇÃO.

Nenhum comentário: