sexta-feira, 31 de outubro de 2008

dance a alma
que o corpo é poesia
e a música
o silêncio de todos os mares.


carmen l. fossari

sexta-feira, 3 de outubro de 2008

nomeação do poema breve .



Beijam-nos as flores com a compreensão da primavera,quando eu te amo,tu me amas misturam-se ao pão nosso de cada dianoitedia.

c.f.

infiniTus



O OLHAR QUE AMA SABE O INFINITO DA PAISAGEM

carmen f.

paisagem do olhar



carmen l. fossari

alma da lua nua
espelho da noite prata
tentáculos de bem querer
brinca menina lua
eu ontem acordei orvalho. c.f

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

POETICAIS



POETICAIS


Carmen L. Fossari

Das ondulações
Que sonam em lua sustenido
O mar rodeado em cirandas
Roda o destino
Claros veios de neve
E alecrim
Tateiam eles,
Na superfície ao horizonte
São dois pássaros
Que inebriam o alado movimento.
E trazem ao olhar
Um sedutor perfume das memórias
Do querer e nada mais ser que em poema
Fractais reflexos
Avivam
Corpos poetrias
Do gramatical encontro
Um corpo em dois
Eis o verbo na clave de Nós
Dos sonhos rarefeitos
Amor, Poesia, e nada mais!

Ilha dois de outubro 2008