sábado, 8 de março de 2008

Sorver...

carmen l. fossari

Brindo com alegria
os rios da infância
que ainda navego
Brindo com sofreguidão
nas espumas do mar ,
e em teus braços que me amparam
cor ambar ao sol poente
teu rosto contornando
eu e o mar
oceanamos


Brindo de solsaio ao tempo
que corre a apressar
minhas pequenas eternidades
ternura e texturas todas

Brindo de sangue e água
os mistérios que
me contaram na pia da religião
onde me afasto e me aproximo

Brindo ao amor
que é o vinho melhor do encontro
da entrega,
da espera que mature
cada dia ,cada noite
cada sílaba balbuciada
de uvas nacaradas
escorrendo sobre a noite
corpo de vinhedos
colhemos

Brindo a vida, no tabuleiro de xadrez
tentando inutilmente
vislumbrar as jogadas exatas
sigo, por todos os jogos, ruas
vielas, caminhos tortos

nos mapas que não sigo
me acompanhas

sei , sabes
sabor do vinho descendo
ao gole ávido, da vida
que celebro.

Brindemos!!!

Nenhum comentário: